Relatório de
Sustentabilidade 2014
A
A
×

Contato

×

Avalie este Relatório

Transmissão

O Sistema de Transmissão da Chesf passou por uma grande ampliação em 2014. Foram energizados 336 km de linhas de transmissão e quatro novas subestações, com acréscimo na capacidade de transformação em 2.415 MVA.

Nesse período, a empresa trabalhou na implantação das Subestações João Câmara II, Extremoz II e Igaporã II com as linhas de transmissão associadas e na subestação Acaraú II. Todas são Instalações Coletoras de Geração Eólica (ICG), adquiridas no Leilão 006/2010, com contratos de concessão assinados em 26/12/2010. A energização desses empreendimentos viabilizou a recepção e transmissão de aproximadamente 700 MW de Energia Eólica do Leilão de Energia Renovável (LER) de 2009. Além disso, em 2014 foram incorporadas ao sistema da Chesf as Subestações de Floresta II, Tacaratu e Quixerê, doadas por acessantes à Rede Básica da Chesf.

A empresa também concluiu 101 eventos do Programa de Melhorias de Instalações (PMI) envolvendo 28 Subestações com investimento de R$ 20 milhões. Com o objetivo de recuperar os atrasos de obra e aperfeiçoar a gestão dos novos empreendimentos, foi mantida a realização das 12 reuniões mensais do Comitê de Monitoramento dos Empreendimentos de Transmissão (CMET) e iniciada a implantação do Sistema de Gestão dos Empreendimentos de Transmissão (GET), com o cadastramento dos empreendimentos prioritários definidos pela Diretoria Executiva.

Desempenho Operacional
Desempenho Operacional